Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Agora sou esposa, mãe, completa! Mas continuo minha... Sempre!


15
Out08

 

 

- Estou?

- Estou sim? Muito boa tarde! O meu nome é .... estou a ligar-lhe da ... e deixe-me felicitá-la porque acabou de ganhar uma viagem à Ilha Margarita!!!

- A sério? Olha que bom!

- A sério! Mas antes de mais terá que me responder a um pequeno questionário.

- Pronto tudo bem...

- Diga-me uma coisa: a sua profissão?

- Doméstica.

- E a do seu esposo?

- Bancário.

- Idade da Senhora?

- 50 anos.

- Do esposo?

- 93.

- ...

 

*PLINK*

 

 

 

Ela pousa o telefone no gancho e dirige-se para a sala. Ele vê televisão.

 

- Realmente... Só me dás desgostos!

- Porque?

- Acabei de ganhar uma viagem à Ilha Margarita. Quando disse a tua idade desligaram... Não queriam levar o "velho"...

 

 

 

Passados uns dias...

 

 

 

- Estou?

- Estou sim? Muito boa tarde minha senhora. Fala ... da empresa ... e gostaria de saber se a senhora estaria interessada em responder a um pequeno inquérito.

- Claro, porque não?

- O nosso inquérito é sobre preservativos.

- Diga-me então...

- Pois bem aqui vai: diga-me por favor, tem alguma coisa contra o sexo anal?

- Eu? Não!

- E oral?

- Também não.

- Quantas vezes faz amor por semana? 1... 2... ou 3 vezes?

- Por semana? Isso faço eu por dia!!!

- A sua idade por favor...

- 50.

- A do seu esposo?

- 18!

- ...

 

*PLINK*

 

 

Mais uma vez ela desliga e dirige-se à sala onde o esposo vê a televisão. Senta-se ao lado dele, abre uma revista e suspira...

 

- Enfim...

 

 

 

 

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

 

 

 

 

VENERO A D.ª ORLANDA!!!

 

 

 

 

 

 (foto tirada da net)

 

+

 

 (foto tirada da net)

 

=

 

(foto tirada da net)

 

 

 

 

 

 

E eu trabalhei em call centers e sei bem o que custa...

Autoria e outros dados (tags, etc)


7 comentários

Imagem de perfil

De samueldabo a 15.10.2008 às 19:02

J.
Os Call centers estão na moda e é onde ainda se pode arranjar alguma coisa rápida para sobreviver enquanto vão procurando melhor. São uma boa achega à descida ou manutenção estável das taxas de desemprego. Todos a ganhar tempo, entre um vai e vem descomprometido, pode surgir a vida eterna...
Gostei das piadas, porque a vida tornou-se uma piada, quando paramos um pouco para a observar.
Beijinhos
Imagem de perfil

De Pobre(o)Tanas a 16.10.2008 às 09:21

Samuel também eu trabalhei lá e gostei. As pessoas do lado de lá até aderem bastante bem se o telefonema restringir-se a meros questionários sobre o dia a dia de cada um mediante as marcas dos produtos, objectos e roupa que usam. As pessoas gostam. Outras desligam e nos também passando à frente.
No fundo ganhei mais dinheiro em callcenters que agora num escritorio em que me disseram "ser algo mais prestigioso"(?)...
Enfim... Na falta de melhor é um optimo desvio...

Beijinhos:)
Imagem de perfil

De samueldabo a 16.10.2008 às 09:51

J.
Bom dia querida amiga.
Tudo o que fazemos conta para o nosso crescimento. Penso que por muito que tenhas ganho, não foi o suficiente para o serviço que prestaste. O trabalho de escritório também é uma seca, digo eu que sou galo de campo aberto.
Agora tu, doce amiga, palpita-me que andas a desperdiçar-te num núcleo do problema e reconheço-te tantas potencialidades, de escrita, por exemplo. Podias ir mais além em termos académicos.
E se calhar não andas, sou eu que julgo saber o que não sei. Se calhar estás a tratar de ti, como só tu podes fazer e num sentido amplamente positivo.
Reflexões matinais...
Beijinhos para a minha querida amiga
Um dia pródigo em alegria de ti
Imagem de perfil

De Pobre(o)Tanas a 16.10.2008 às 11:50

Deixei a faculdade. Faltava 1 ano apenas para a acabar. Problemas de vida e financeiros. A saída da mãe e o ter que batalhar pela minha casa, pelo meu espaço.
Sinceramente, sinto-me a definhar aqui neste escritorio, de dia para dia. Não sabem do que sou feita. Não querem saber. Posso não estar a ser humilde mas...
Não me sinto bem aqui. Não dou largas à minha imaginação, não posso alargar horizontes e a cada dia que passa sinto a minha vontade de ir mais além, ficar entre um requerimento para o Tribunal de Sintra e uma carta para Fulano Tal de Estremoz. Mas que posso fazer? Estou atada de pés e mãos. Pelo menos isto dá-me de comer. Apesar de chegar a dia 8 mesmo com tudo pago das minhas despesas e ver que sobrou uma miseria que não chega a 50euros até dia 30. Como me safo? Tenho as minhas estrelinhas. Que me adoptam mesmo não sendo de familia de sangue. E os de sangue que sobraram. E me fazem sorrir.
Depois embirram comigo no trabalho porque ando de mau humor. Pudera! Mas eu sou lá alguma coisa que valha para eles? Dão crédito e valor ao que faço? NUNCA! Esperam sempre mais. Mas ja os habituei aquilo que apenas eu "posso".
Cansada, Amigo Samuel, muito cansada. Mas isto um dia passará. E pronto já desabafei!

Beijinhos!
Imagem de perfil

De samueldabo a 17.10.2008 às 13:04

Querida J.
Posso até conceber, no limite da irracionalidade, que um pai abandone a sua filha, o seu filho, que duvide da origem dos genes. Mas uma mãe???!!!...e depois de um diálogo que travei, onde me parecia amor o que senti nas palavras. Só uma anormalidade congénita pode justificar tal procedimento. Estou siderado por eu próprio ter sido iludido e tu sabes o que eu sou, ou tenho sido e serei, por um filho homem de 34 anos.
Sinto toda a força de ti, do interior da tua alma juvenil e tão sofrida. E sinto que o teu sol te acompanha, indeciso, mas prestes a soltar-se sobre ti, a encher-te de energias poderosas.
Até logo.
Beijinhos
Imagem de perfil

De Pobre(o)Tanas a 17.10.2008 às 13:29

Fomos todos enganados Samuel. Até eu que já estava habituada pensei que fosse diferente desta vez, mas não foi. No fundo quem perdeu não fui eu... De qualquer forma acho que já nada me surpreende daquele lado. Surpreendeu-me esta ultima vez mas de futuro estou avisada.

Nem todos os pais têm amor pelos filhos...

Sorte a do seu de 34...


Beijinhos Samuel!

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2008
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D