Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Agora sou esposa, mãe, completa! Mas continuo minha... Sempre!


 

Se há coisa que adoro é o stresse do trabalho. Apesar de, quando me vejo nele, espernear, gritar, torcer, arrancar cabelos e bufar mais que um felino em tempo de guerra para acasalamento. Mas gosto. Vou para casa com aquele sorriso de guerreira, em fim de guerra, na tromba.

 

Mas se há coisa que odeio é, nesses momentos, andarem atrás de mim tipo carneirinhos. Falarem-me com voz de "enconados" e "nha-nhãs". ODEIO!

 

Se é guerra é para gritar, soltar a franga que há em nós, pular em frente à fotocopiadora e abaná-la como se assim ela tirasse cópias mais rapidamente, mandar com o "coise" do telefone contra o gancho, dizer "Cosa-se" quando ninguém ouve, mandar processos contra as prateleiras e dizer mal da vida.

 

Hoje foi um desses dias. E enquanto escrevo posso dizer que tenho papeis por todo o lado. Mal tenho espaço para o teclado. O rato está em cima da torre do computador, o telefone não o vejo e os processos são às dezenas.

 

Vim aqui tentar acalmar-me. A Dr.ª que conduz muito "bem" acabou de sair com a sua voz de "trecatreca" depois de ter ouvido de mim algo como "Oh Senhora, saia-me daqui por favor!!!".

 

Estou a tentar não morder o ecrã do pc com os nervos.

 

 

(É parecido...Está quase assim...)

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


1 comentário

Sem imagem de perfil

De ruben a 17.09.2008 às 23:10

não te vou chatear mais, mas tem cuidado com a solidão! é que nem todos têm a massa que é preciso para enfrentá-la e a juventude minha filha, então no teu sexo,... desaparece mais depressa que a combustão do magnésio no seio do oxigénio. só mais uma dica, desculpa lá a persistência, mas por vezes a fúria e a velocidade impedem de distinguir a obra prima do mestre da prima do mestre de obras.
take care

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2008
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D