Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Agora sou esposa, mãe, completa! Mas continuo minha... Sempre!


 

 

 

 NOVIDADEEEEE FRESQUINHA!!! Já tenho as chaves da minha casa!!!!! Pronto novidades fresquinhas porque isto tem sido um turbilhão de emoções que nem sei por onde começar...

 

 Pois bem, na Terça entregaram-me a casa, fui vê-la e amei!!! Nunca pensei que estivesse tão boa e fosse tão tão tão gira! Já tem paredes pintadas de diferentes tons mas alguns já mudei. Tenho 1 quarto, 1 sala, 1 escritório com varanda, 1 wc  com uma banheira para eu me deitarrrrr, 1 cozinha com marquise e 1 pequena dispensa. Ora para que quero isto tudo? Não sei, mas adoro!

 

 A emoção é tanta, o medo de não conseguir paraliza-me, mas tenho fé que tudo vai corer bem. Além disso sei que tenho estrelinhas que me guiam e me ajudam muito. Tanto lá em cima como cá na terrinha. Por isso acredito mesmo que tudo vai correr bem.

 

 Tenho sorrido mas com alguma passividade. Rever pontos de situação, fazer contas, observar... Estou feliz. Nunca me senti tão "EU" como agora. Tenho apoio da minha família - da minha irmã, cunhado e sobrinha - (até da minha avó com quem voltei a estar 1 ano depois de ter saído de casa e o meu pai telefona-me ou manda-me um sms por vezes), de alguns amigos que mesmo longe perguntam-me como estou - são poucos mas gosto assim - e de pessoas que nada me são e ao mesmo tempo me são tanto e que tanto me têm ajudado.

 

 Tenho a casa praticamente mobilidada. Da ultima mudança fiquei com quase tudo da minha mãe. Coisas que comprámos quando fomos viver juntas durante aqueles 3 meses. Ou seja coisas novas. Como digo, tenho tido IMENSA SORTE!

 

 Estou desejosa de ir buscar as miudas, mostrar-lhes o nosso novo ninho onde ninguém nos vai tirar. É so nosso. O nosso reino. As minhas "barriguitas" vao ficar doidas:)

 

 Basicamente é isto... Tenho tirado fotos à casa mas nao tenho forma de as passar para o computador uma vez que ainda nao comprei um bluetooth e neste momento não é prioridade. Mas assim que puder arranjo.

 

 Não contei tudo ao pormenor mas estive com a minha avó, tal como referi mais atrás. Foi estranho. Tinha feito um ano que nao ia à minha terra. Não vi o meu pai mas sei que está bem. Visitei a quinta onde cresci, vi o meu cão e gatos que lá tenho e estão velhinhos (incrivel como num ano os animais envelhecem tanto) e ri-me ainda um bocado. Mas já não dá para mim. No fim do dia não quis voltar para Lisboa mas sabia que se ponderasse na hipotese de ficar de onde vim e tanto me custou a sair por medo de perder o que no final perdi, que iria sofrer mais. Assim ganhei coragem e prossegui com a minha vida e meti-me no comboio para Lisboa mais depressa que um foguete para fugir de uma realidade que me assusta, que me mostra que ali nada mudou, que a forma de pensar se mantém e as boquinhas maldizentes tambem.

 

 Por isso já que cheguei aqui, por aqui me mantenho. Venha quem vier, doa a quem doer.

 

 Sou eu, sou feliz, tenho a minha casa, as minhas gatas, parte importante da minha familia e amigos, tenho o meu trabalho, tenho-me a mim, gosto de mim, sou eu e acima de tudo sou minha!

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


2 comentários

Imagem de perfil

De Joanina a 07.09.2008 às 00:08

Fico feliz por ti!!! A serio! As vezes posso não te dizer nada, mas não te perco de vista nunca e estou sempre a torcer para que tudo de certo contigo. Mesmo sem te conhecer pessoalmente, penso muitas vezes em ti, e em como estarás!... Mas gostei do tom optimista, alegre e seguro deste teu post. Vai correr tudo bem, vias ver! Algo me diz que sim... E nos acreditamos em "algo", não e?
Boa sorte!
Bj grande da Jo
Imagem de perfil

De Pobre(o)Tanas a 08.09.2008 às 14:49

Acreditamos sempre nesse "algo", mantemos a nossa fé e vamos conseguindo. Estou mt feliz, minha Joanina. Sinto-me capaz de mover montanhas, de as escalar e gritar lá de cima "Sou Capaz!!!". Graças a Deus que sou paciente e teimosa como um burro que não quer puxar a carroça LOOL Consegui, depois deste tempo todo consegui. E mais importante que isso foi ter encontrado uma postura em mim completamente diferente daquilo que possuia. Sinto-me mais adulta e mais firme quando digo "NAO!". Sei aquilo que não quero e sei que quem não aceitar esta Pobre(o)Tanas, também não merece o meu esforço. Cada vez sinto mais vontade de viver apenas com as miudas, ter o meu espaço, viver a parte da familia que ainda possuo e amar-me muito. Mimar-me. Porque preciso e porque não me amei nos ultimos anos. Agora sei qual é a sensação e é fenomenal. Fez-se "click" finalmente e a quem me conseguiu magoar so tenho a agradecer porque caso contrario nao me descobriria.

Querida, sei que nao te tenho visitado mas o meu blog coitadito também tem andado às moscas. Quando tiver tudo organizado dentro de dias espero retomar a minha vida blogueira. Sei que ja disse isto uma serie de vezes mas preciso mesmo de um impulso e observar o mundo para recomeçar. Sentir aquele aroma de pessoas e mundo no comboio ou no café para me inspirar...

Mas nao me esqueço de ti também, acredita. E so tenho postado para saberem que estou bem, para não deixar ninguem preocupado...

Joanina espero que esteja tudo bem contigo, com o husband e com o Martim (que ainda será o namorado virtual das minhas miudas vais ver:D)

Beijocas minha linda! Até Já!

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2008
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D