Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Agora sou esposa, mãe, completa! Mas continuo minha... Sempre!


Nunca compramos revistas cor de rosa cá para casa, ao invés quando queremos leitura de sofá e já lemos tudo o que há para ler que nos seja oferecido no correio, compramos algo que dê para os dois... Uma Super Interessante, uma Maxmen, uma qualquer revista de decoração assim moderna para nos babarmos com os closets que vemos, etc. Nunca revistas cor de rosa. Deixamos isso para a esplanada do Lobu's enquanto um lê o Correio da Manhã, trocando de seguida, e bebemos o nosso café acompanhado de um cigarro.

Aí sim... Lemos as cusquices e averiguamos o que andam as celebridades a fazer, gozando com isto ou aquilo, ficando atónitos com algumas figurinhas e pensar no que faríamos da nossa vidinha se ganhássemos apenas 1/10 daquilo que o menino "bonito" do futebol ganha em publicidade, colocando posteriormente uma moedinha de € 0,50 na máquina do café que gira, tipo máquina de casino e que por vezes nos sorteia com € 5,00 para pagarmos a despesa.

Eu e o meu Jacinto temos maneiras de ver a vida muito idênticas. Sonhamos com o euromilhões mas gostamos da pacatez da nossa vida social e da nossa insanidade em casa, correndo atrás um do outro, cantando as letras de músicas à nossa maneira e alterando-as, pensar que amanhã sim deixaremos de fumar e poderemos finalmente juntar dinheiro com fartura para um carro novo ou umas férias com pulseirinha numa ilha em que poderemos andar nús na praia ao fim de tarde. Pensar que um dia deixaremos de andar cansados e que poderemos voltar às raves de altura da faculdade com a mesma energia e que teremos vontade de ir para um ginásio malhar até não termos mais espaço para músculos e abdominais, ficando com um corpo magnífico que não nos servirá de nada uma vez que não nos gostamos de expor a não ser na nossa privacidade.

Todas estas formas de estar e ser não condizem com nada daquilo que vemos nas revistas e olhando para a vida de famosos expostas pergunto-me de que vale ser-se figurinha pública e reconhecida até com uma peruca e uma máscara de plásticas em cima, se não se pode dar um peidinho que ninguém não saiba e não saía na CARAS da próxima semana. Pergunto-me de que vale o menino "bonito" do futebol ter conta no BES se por ventura talvez eu seja mais eu com uma no Millennium BCP? Até porque sou cliente desde 1992 ainda era NovaRede e uma vez que nasci nos idos de '87 sinto-me deveras poderosa quando digo isto...

Questiono-me se valerá cada cêntimo... Se valerá cada ideal que construí na minha cabecinha idêntica a uma caixa de Pandora. Se valerá o risco de cairmos no rídiculo...

Vendo a força que a tia fez para deixar entrar a sua cadela boxer na Igreja aquando o baptizado do neto, reconsidero que tenho sido péssima dona do meu Pablo, também ele boxer, por nunca o ter deixado sequer entrar ali no mini mercado para ir buscar uma lata de salsichas. Nunca fiz força para ele ir onde não seria desejado até porque tenho ainda 3 dedos e meio de testa e gosto de respeitar lugares sagrados.

Não conseguiria nunca posar para a fotografia envergando uns sapatos de salto com 20cm's ficando mais alta que o meu Jacinto só para ficar bem. Da mesma altura vá que não vá mas eu sou muito pouco feminista. No máximo igualdade e não superioridade. Até porque respeito muito o género que inventou a roda e as botas Caterpillar que me ajudam diariamente a recuperar da operação aos joelhos que fiz há 7 anos. Desde que não se armem em homens das cavernas, eu respeito. Caso contrário as botas Caterpillar ganham outro objectivo que não o seja para andar.

Desfolho mais umas quantas páginas e vejo os miúdos calçados e vestidos como se fossem adultos. Sapatos de vela que mais parecem pantufas de velhotes usarem em casa, fazendo o pé de uma criança de 8 anos parecerem um iate de 80 pés de comprimento. Coletes de malha, camisinha engomadinha, calcinha de vinco e soquetezinho azul escuro puxadinho a combinar com o cabelinho escovadinho com risquinho ao lado. Pergunto-me se estes miúdos podem tirar os brinquedos das caixas de origem e brincarem ou se os têm emprateleirados numa estante dos seus quartos.

Quanto mais olho para estas crianças mais o meu desejo de ser mãe aumenta para poder vestir os meus filhos como espantalhos para brincarem na rua com os amigos e rasgarem os ténis a jogar à bola num campo de terra cheio de buracos. Aproveitando os restos de t shirts ou cuecas para fazer panos para lavar o carro.

Sim, é verdade tenho uma fixação por cuecas. Isto porque nunca tive nenhumas que me tirassem estas borbulhas que tenho nas nalgas devido ao uso excessivo de nylon.

Reparo que se uma celebridade mostra o reguinho das mamalhuças aparece logo como se fosse algo muito fora do comum. Então e eu que já fiquei em cuecas, - e eu a dar-lhe - devido a um infurtúnio de final de tarde de verão, ali na rua das vivendas e nunca ninguém me disse nada nem me tirou uma mísera fotografia? Ah pois... Respeitam-me! Respeitam a senhora do Eng.º Jacinto.

É isto que falta nas revisas cor de rosa. Respeito. Respeito por parte das revistas e por parte de quem dá a cara para aparecer nelas custe o que custar. Respeito ainda por quem lê que fica a pensar que a sua vidinha de comum mortal pouco ou nada tem para mostrar. Mas isto é para os que são influênciáveis e fantasiosos. Eu só queria o euromilhões para o gastar comigo e com os meus. Porque de resto tenho um vidão de luxo. Sou imensamente feliz como sempre batalhei para isso. E tenho ao meu lado quem caminha à mesma velocidade cruzeiro apesar de nunca termos andado em nenhum. Mas isso é outra história porque eu enjoo em tudo o que seja transporte.

Porque se o outro que tem 60 e muitos vive com uma miúda de 19 que mentiu ao ínicio, dizendo que era maior e tudo aquilo foi falatório e falta de respeito pelos dois que vai na volta até são e estão felizes e ninguém tem nada a ver com isso, este com 65 ou 70 sei lá, que foi assassinado esta semana e lhe cortaram as partes, ter andado enrolado com um fulano de 21 que diz-se ser o seu assassino, coitadinho têm pena dele. Não andasse ele a papar miúdos... Lamento. Quer dizer o outro não pode papar a miúda de 19 mas este pode papar o de 21... A diferença é muita querem ver? Eu com 19 anos e com 21 era a mesma. Apenas já trabalhava as 8 horas que me competiam para ter a minha casa e pesava mais 10kg.

Por isso não gasto dinheiro com revistas cor de rosa. Prefiro ler as 69 posições acrobáticas que devemos fazer antes de morrer na Maxmen ou a descoberta de uma qualquer supernova por cientistas cubanos no meio de plantações de cocaína. Prefiro até descobrir, pelo meu Jacinto, que um comprimido afinal é composto de pó de pedra e que é esse composto que nos ajuda a envolver 10miligramas de um prozac caso contrário nunca conseguiríamos tomar 10miligramas de nada, por ser uma partícula.

Com esta conversa toda esqueci-me onde ficam englobados os pistachios...


Ah já sei! O Lidl tinha-os em promoção.


Comprei dois pacotes que já os aventei...





O meu cão sempre me pedinchou muita coisa menos acompanhar-nos a baptizados...





Nesta fotografia ele questionou-nos quanto às saídas à noite com as amigas cadelas. Quando lhe dissemos que ainda não tinha idade, fez esta cara...

Autoria e outros dados (tags, etc)


2 comentários

Sem imagem de perfil

De Diversidades e Variedades;);) a 10.01.2011 às 01:29

Fiquei verdadeiramente encantada com a tua escrita ;) muito bom, irei visitar-te mais vezes =) se puderes dá uma olhadela no meu blog: agridoceeeee.blogspot.com

Beijinho
Sem imagem de perfil

De Pobre(o)Tanas a 10.01.2011 às 18:56

Obrigada pela visita! É so entrar sempre que queira! Já a estou a seguir também :D Isto aqui seguimo-nos uns aos outros o que acho algo muito engraçado!


Beijinho e boa semana!

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog


Arquivo

  1. 2015
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2014
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2013
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2012
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2011
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2010
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2009
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2008
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D